O Compasso Pascal é, naturalmente, uma tradição cristã.
Constitui-se como um pequeno grupo de paroquianos ou mordomos, com ou sem o seu pároco, liderados por um crucifixo que representa a presença de Jesus vivo, ressuscitado. Percorre várias casas de outros paroquianos que manifestem a sua vontade de receber a visita de Jesus Ressuscitado, no Domingo de Páscoa.
Em cada uma das casas, após uma bênção inicial, os habitantes beijam a cruz de Cristo como demonstração de adoração. (este ano, ainda devido à pandemia, este ato está suspenso)
A esta tradição associaram-se, ao longo do tempo, diferentes formas de receber a visita, por exemplo, com a oferta de alimentos típicos da época ou apenas uns minutos de repouso para o grupo.
No dia 17 de abril, estejam atentos ao som do sino, na vossa rua, sinal de que o Compasso está a passar e pode ser por vós recebido.