O peixe-lanterna gosta de águas profundas e salgadas, alcançando, durante o dia, os 1500 metros profundidade e, pela noite, aproximando-se da superfície. Há cerca de quinze espécies distintas e o seu nome relaciona-se com a capacidade de produção de luz por via de uns órgãos apelidados de fotóforos.

 

No que diz respeito ao lagostim, este vive cerca de cinco anos e, no máximo, alcança os 15 cm de comprimento. O seu alimento preferido são as algas, logo ali à disposição. Tal como outros artrópodes, o lagostim troca de carapaça várias vezes ao longo do tempo, pois esta constitui a sua proteção natural.