Há animais que se encontram ameaçados por causas naturais ou por outras provocadas pelo ser humano, portanto correm o risco de se extinguir.
Em relação a Portugal, o nosso país é o 4.º, entre os países europeus, com mais espécies em risco de ‘desaparecerem do mapa’. De alguma forma, para ajudar a contrariar esta situação, continuam a existir, hoje, algumas espécies existentes no território português classificadas como ameaçadas ou em risco de extinção. De entre elas, podemos destacar o Lince Ibérico e o Lobo Ibérico.
No mundo, em geral, os ambientes terrestres estão a deixar de ter animais como o urso polar, o dodó ou o panda-gigante. Nos ambientes aquáticos têm desaparecido animais como a baleia-cinzenta, o atum-azul ou o lobo-marinho.
Não podemos fechar os olhos a esta situação…