O urso polar vive nas regiões geladas do Pólo Norte, junto do oceano Glacial Ártico, mas é um animal que está em vias de extinção. O pêlo branco ajuda-o a camuflar-se para caçar focas e tem muita gordura para se proteger do frio. É muito ágil a nadar. As fêmeas escavam buracos para esconder as crias depois do nascimento e, aí, cuidam delas durante vários meses, às vezes sem comerem nada.

 

O lince ibérico é uma espécie em perigo de extinção. Também por isso, as suas tocas são locais escondidos e bem protegidos. A sua época de acasalamento é nos meses de janeiro e de fevereiro. Em relação à alimentação, o lince macho necessita de um coelho por dia e uma fêmea grávida precisa de comer três coelhos por dia. Por norma, os linces vivem cerca de treze anos.
Em 2021, em Portugal e Espanha estão contabilizados 1111 linces ibéricos.