Para esta edição do jornal sobre Música, fazia todo o sentido entrevistar a nossa professora Daniela.

P: Por que razão/ões começou a trabalhar na área da Música?
R: Antes de mais, obrigada pela oportunidade de participar no vosso jornal de parede! A música sempre foi um sonho para mim e desde muito pequena imaginava-me a ensinar, a ser Professora, não sabia do quê… Mais tarde, essa dúvida desapareceu, a música era o caminho a seguir. Não foi a minha primeira formação, foi Direito, e provavelmente não será a última, mas será para toda a vida.

P: Qual o seu instrumento musical favorito? Porquê?
R: Esta resposta é fácil: a Flauta Transversal, e foi precisamente neste instrumento que incidiu a minha formação. Comecei com 13 anos, numa banda filarmónica da minha terra, de seguida ingressei no Conservatório para aprender mais sobre este incrível instrumento, que eu adoro, e depois na Universidade do Minho, para novamente aprofundar conhecimentos. É lindo e tem um som doce!

P: Qual a sua opinião sobre o CEIC? E sobre as nossas aulas de Música?
R: Comecei a lecionar no CEIC apenas este ano, por indicação do Prof. José Moura, e confesso que estou a adorar. Cada turma tem as suas características, é única e especial. O meu objetivo é que todos terminem o seu percurso a adorar este mundo mágico da música. Que nas aulas toquem instrumentos, explorem o seu corpo, cantem, dancem, se divirtam e sejam felizes, porque afinal é para isso que serve a música!