CEIC NOTÍCIAS

Jornal do Colégio Externato Imaculada Conceição

Edição n.º 5

abril 2022

Voltar

Diogo Gonçalves (Professor de Karaté)

A Marta (5.ºB) lembrou-se do Diogo Gonçalves, com experiência na área do Karaté e, por isso, decidimos colocar-lhe algumas questões! Afinal, falamos de atividades físicas…

P: Quando começou a praticar Karaté?
R: Na verdade, comecei a praticar Karaté há já 26 anos.

P: Por que razão se interessou por esta arte marcial?
R: O meu interesse pelo Karaté começou quando assisti aos filmes do Bruce Lee. A partir daí, fiquei cada vez mais curioso e com vontade de praticar artes marciais. Acabei por escolher esta.

P: Gosta de ser professor de Karaté? Por que motivos?
R: Gosto, sobretudo porque ensino as crianças a saberem defender-se, caso um dia lhes seja necessário. É uma forma de ajudar os mais novos a não terem receio do mundo à sua volta, sentindo-se mais protegidos.

…Sérgio Marques (professor de Educação Física)

Se o assunto é atividade física e desportiva, então o professor Sérgio tem uma palavra a dizer…

P: Qual era o seu desporto favorito quando ainda era criança? Por que razão?
R: O voleibol, porque exige força, coordenação, velocidade e implosão. E porque obriga a uma grande capacidade de decisão situacional.

P: Por que razão quis ser professor de Educação Física e não de outra disciplina?
R: Porque considero que a formação só fica completa se englobar o desenvolvimento harmonioso do ser humano. O desporto e a educação física são as únicas áreas que aliam o desenvolvimento cognitivo e intelectual ao desenvolvimento das capacidades físicas e competências motoras.

P: O que o levou a abrir o Espaço 2*?
R: Quis criar um espaço onde a aprendizagem e o divertimento estivessem ligados à formação integral das crianças.

 

…Tomás Giro (estudante de desporto)

O irmão da Joana Giro (5.ºA) frequenta a faculdade e, aí, estuda Desporto. Esteve disponível para responder às nossas perguntas. Leiam, então, as ideias que partilhou connosco.

P: Por que razão decidiu seguir Desporto?
R: Porque gosto imenso de praticar desporto, conseguindo abstrair-me dos problemas do dia a dia. Além disso, sinto que, no desporto, as pessoas, em geral, conseguem desenvolver aptidões físicas e psicológicas diferentes das pessoas que exercem outras profissões.

P: Que modalidade desportiva mais aprecia?
R: Gosto de todas, mas há uma que se destaca, o futebol. O futebol é uma área na qual estou completamente inserido, pois sou árbitro e compete-me zelar pelas leis do jogo. Além disso, o futebol pratica-se ao ar livre, e isso fascina-me.

P: Pretende trabalhar com crianças, como professor de Educação Física, por exemplo?
R: Também, contudo pretendo ensinar pessoas com uma idade já mais avançada e, por isso, com certo nível de competitividade. Relativamente às crianças, claro que também gostava. Aliás, num futuro próximo, começarei por lecionar as primeiras aulas a crianças.

…Silvina Pais (professora de ginástica)

A professora Silvina, que podemos encontrar aqui no Colégio, esclareceu a nossa curiosidade…

P: Por que razão quis ser professora de Ginástica?
R: Porque gosto muito de atividade física e particularmente de Ginástica. E, acima de tudo, gosto de ensinar os alunos e de me relacionar com os mesmos.

P: O que mais gosta de ensinar na Ginástica? Porquê?
R: Gosto de ensinar tudo o que ensino, porque são elementos fundamentais para o desenvolvimento integral dos meus alunos.

P: Se não fosse professora de Ginástica, que profissão queria ter?
R: Também gostaria de ser nutricionista ou fisioterapeuta, pois são duas áreas pelas quais tenho grande interesse.