CEIC NOTÍCIAS

Jornal do Colégio Externato Imaculada Conceição

Edição n.º 5

abril 2022

Voltar

Pelo 1.º Ciclo…

Também se aprende sobre História(s) e Ciência(s).
O 1.º ano conheceu o ‘Noronha, o ouriço com vergonha’, uma história relacionada com o ‘eu’ e as características de cada um. Depois, desenharam-no (e bem!).
Os meninos do 2.º ano já sabem apresentar-se com muito pormenor, dizendo a sua idade, a data do aniversário, o nome dos irmãos, a rua onde moram, … Perguntem que eles não falham!
No 3.º ano descobrem, a cada dia, o corpo humano. Sabiam que a pele é o maior órgão do nosso corpo? E que o fígado cresce sozinho, se necessário?
Tal como nós, os meninos do 4.º ano estudam a História de Portugal. Nas últimas aulas cruzaram-se com os Celtas, com o Viriato e viram o imenso Império Romano.
Não esqueçam: o saber não ocupa lugar. Nunca!

Ciências Naturais

Nas aulas de Ciências Naturais, temos aprendido muito sobre a água: as águas urbanas, as águas residuais, …
Percebemos que as águas podem ser tratadas nas ETAR, podem ser captadas em barragens e podem ganhar cores estranhas devido à poluição.
Recordamos como é importante bebermos água com regularidade, para bem do nosso organismo.
Temos gostado muito das aulas de Ciências. Ficamos a saber muito mais sobre o que nos rodeia e, depois, podemos conversar com os nossos familiares e amigos sobre esses assuntos.
Estamos ansiosos pelas próximas aulas…

HGP

Nas aulas de História e Geografia de Portugal, desde o início do ano, já estudamos vários povos que, ao longo do tempo, chegaram à Península Ibérica.
Por exemplo, os Romanos, que eram bem treinados, organizados e disciplinados, e formaram um grande Império. Em todo ele espalharam o seu modo de vida (Romanização). Tiveram como opositores, naquela Península, os Lusitanos, que muito resistiram com armadilhas e emboscadas.
Também ficamos a saber que, no tempo ‘desses’ Romanos, Jesus Cristo fundou o Cristianismo, depois declarada religião oficial do Império.
Ainda conhecemos os povos bárbaros, vindos lá do norte e centro da Europa. Chamaram-lhes assim, Bárbaros, pois eram diferentes, nas suas práticas e tradições, dos Romanos.
E tanto que ainda vamos aprender…

Um outro Magusto

Este ano, tendo em conta as circunstâncias excecionais que estamos a viver, o Magusto no Colégio teve de ser diferente.
Não houve cartuchos feitos de folha de jornal, castanhas saboreadas com todos em roda, ou o tradicional corta-mato que nos faz gastar toda a energia.
Mas houve castanhas à sobremesa do almoço, músicas alegres cantadas pelos mais pequeninos, a diversão de todos os dias, no recreio, porque o ‘verão de S. Martinho’ veio visitar-nos.
2020 tem sido estranho em quase tudo. Vale-nos o pensamento de que tudo vai voltar a ser como era antes!

‘Ouriços’ de 4 anos

A sala dos 4 anos tem, como mascote, um ouriço-cacheiro muito simpático, o Pico-Pico. Há um fantoche e tudo, que os acompanha nas aprendizagens que vão fazendo…
Como não sabiam muito sobre aquele animal, decidiram colocar os seus óculos de cientista e foram pesquisar: em livros, na Internet, perguntaram aos familiares, … No final, cada um partilhou com os colegas as descobertas.
Imaginam o que ficaram eles a saber? Qual é o habitat dos ouriços, o seu tipo de alimentação, as características físicas apresentam, onde vivem, … e muito, muito mais!
Porque não são meninos de se cansar, ainda observaram um ouriço em 3D (uau!!!) e conseguiram uma réplica, que está, agora, na sua sala.
É tão bom quando o conhecimento (científico) se constrói com tanto entusiasmo!

5 anos em ação

A sala dos 5 anos também aprende Ciências, como os mais crescidos! Têm uma horta e aprenderam os cuidados que precisam de ter com as plantas.
E, como são uns ‘aventureiros’, colocaram as ‘mãos na massa’ e foram plantar salsa, espinafres, couves e alfaces. Todas as semanas, agora, calçam as suas botas e vão tratar da horta.
Mas não é só! Eles também sabem de História…
Pelo dia de São Martinho, ouviram a lenda e fizeram um registo a condizer. Dançaram numa roda e ainda comeram castanhas no recreio, como manda a história!

A leitura esteve entre nós

Este ano, 2020, também a semana da leitura foi diferente.
Não bateu à porta do Colégio nenhum escritor pronto a conversar connosco, presencialmente. Também não fomos fazer leituras interessantes às salas dos alunos mais novos, e eles não vieram às nossas.
Contudo, participamos em sessões online com a escritora Elsa Almeida, autora dos livros “Um coração XXL” e “A família Durão”, por exemplo. Foi uma oportunidade adaptada à nova realidade.
Além disso, houve um concurso de provérbios originais e a produção de marcadores de livros criativos.
Não nos podemos lamentar, foi uma semana fantástica!

Para o colégio e mais al´

Durante a pausa letiva, os alunos do Colégio, com a ajuda dos professores Hugo Gonçalves e João Paulo Cunha, dedicaram-se à decoração das portas das várias salas. O tema escolhido foi muito criativo: super-heróis!
Em relação ao 2.º Ciclo, as opções finais foram três, porque são três as turmas e, por isso, havia três portas a decorar. O 6.ºA escolheu um super-herói da DC, o Flash, pois são muito rápidos a perceber os assuntos! O 5.ºA optou pelo Hulk, da Marvel, porque estão fortemente interessados em aprender (se os virem verdes, não estranhem!). O 5.ºB selecionou o Harry Potter como inspiração, pois são alunos magicamente habilidosos para várias atividades (tenham cuidado com as varinhas mágicas!).
E que se fechem as portas! Só para vermos as obras de arte. Depois, estarão sempre abertas, para o ar circular…